Museu italiano cria algoritmo para terminar com as filas

O novo sistema entrará em vigor no ano que vem

Museu italiano cria algoritmo para terminar com as  filas Museu italiano cria algoritmo para terminar com as  filas

Consideradas o principal muse renascentista do mundo, as Gallerie degli Uffizi, situadas em Florença, na Itália, criaram um algoritmo para acabar com filas de entrada. Até então, a espera para ingressar no museu podia superar o período de quatro horas.

Com quiosques interativos na bilheteria do museu, que imprimem um ingresso com o horário exato da visita, o novo método utiliza como base os dados do algoritmo, que calcula os fluxos de pessoas, a permanência de visitantes e até considera questões meteorológicas.

O sistema, que é fruto de dois anos de pesquisas, conduzidas pelo museu em colaboração com a Universidade de L’Aquila, entrará em vigor a partir de 2019.

Dúvidas Jurídicas sobre a sua Startup? Conheça nosso PLANO STARTUP com assessoria jurídica especializada em Startups e Empresas de Tecnologia, contando com advogados especialistas em Startups. Não deixe de acompanhar nossos vídeos no CANAL SL, nossa página no FACEBOOK e assinar nossa NEWSLETTER.

Fonte: ANSA. Foto: Divulgação.