Home » Blog » Netflix perde US$ 2,3 bilhões por ano com compartilhamento ilegal de contas

Netflix perde US$ 2,3 bilhões por ano com compartilhamento ilegal de contas

No mercado global, o valor tende a aumentar significativamente

Netflix perde US$ 2,3 bilhões por ano com compartilhamento ilegal de contas Netflix perde US$ 2,3 bilhões por ano com compartilhamento ilegal de contas

O compartilhamento ilegal de contas em serviços de streaming de filmes e séries foi o tema de uma pesquisa nos Estados Unidos. De acordo com o estudo, que analisou as três primeiras plataformas (Netflix, Amazon Prime Video e Hulu), mais de US$ 3 bilhões são “perdidos” pelas empresas por conta da prática.

A Netflix é quem mais perde dinheiro com as conexões piratas, chegando ao valor de US$ 2,3 bilhões. Já o “prejuízo” do serviço da Amazon é de US$ 540 milhões e do Hulu é de US$ 480 milhões. No mercado global, o valor tende a aumentar significativamente.

O estudo apontou, ainda, que cerca de 20% do público total não paga para assistir séries e vídeos online nessas plataformas. Porém, os valores não representam necessariamente quanto as empresas ganhariam caso os empréstimos não ocorressem. A pesquisa do portal Cordcutting levou este fato em consideração e constatou que quase 60% dos usuários não pagantes da Netflix assinariam o serviço se não tivessem outra forma de usá-lo.

Metade das contas da Netflix emprestadas são compartilhadas entre pais e filhos. Trinta e sete por cento dos usuários clandestinos usam a conta dos pais e 14% assistem ao conteúdo pelo acesso dos filhos. O restante das contas compartilhadas clandestinamente é dividido entre casais, amigos, familiares mais distantes e até o ex.

Dúvidas Jurídicas sobre a sua Startup? Conheça nosso PLANO STARTUP com assessoria jurídica especializada em Startups e Empresas de Tecnologia, contando com advogados especialistas em Startups. Não deixe de acompanhar nossos vídeos no CANAL SL, nossa página no FACEBOOK e assinar nossa NEWSLETTER.

Fonte: StartSe. Foto: Divulgação.