Home » Blog » LinkedIn traz para o Brasil projeto que transforma universitários em captadores para a rede

LinkedIn traz para o Brasil projeto que transforma universitários em captadores para a rede

LinkedIn Campus Editor já funciona nos Estados Unidos

LinkedIn traz para o Brasil projeto que transforma universitários em captadores para a rede LinkedIn traz para o Brasil projeto que transforma universitários em captadores para a rede

O LinkedIn anunciou nesta segunda-feira, dia 1º, a chegada do LinkedIn Campus Editor no Brasil. O teve iníco há cinco anos nos Estados Unidos, e é voltado ao público universitário, para incentivar a participação dos estudantes do ensino superior na criação e compartilhamento de conteúdo. Usuários de destaque serão nomeados pela rede como “editores” dos campi de suas respectivas instituições,e podem ganhar acesso aos recursos pagos da rede, o LinkedIn Premium e o LinkedIn Learning. O programa terá seu início no final deste ano.

A rede diz que “como um Campus Editor, o estudante estará próximo aos editores do LinkedIn, com uma visão privilegiada de como a criação de conteúdo acontece em escala na plataforma”.

Segundo números divulgados pela rede social, o programa já nomeou mais de 200 estudantes em diversas universidades dos Estados Unidos. Para participar do programa, os interessados precisam estar matriculados em uma universidade em cursos de graduação, ter formação prevista para dezembro de 2019 ou mais e possuir uma conta no LinkedIn. Os estudantes também precisam preencher, até o dia 26 de outubro, um formulário de inscrição e postar um vídeo ou artigo no LinkedIn explicando por que desejam fazer parte do Campus Editor.

Dúvidas Jurídicas sobre a sua Startup? Conheça nosso PLANO STARTUP com assessoria jurídica especializada em Startups e Empresas de Tecnologia, contando com advogados especialistas em Startups. Não deixe de acompanhar nossos vídeos no CANAL SL, nossa página no FACEBOOK e assinar nossa NEWSLETTER.

Foto: Divulgação.