Home » Blog » Saraiva pede recuperação judicial

Saraiva pede recuperação judicial

Atualmente, a companhia possui 84 lojas em todo Brasil. A empresa conta também com um e-commerce

Saraiva pede recuperação judicial Saraiva pede recuperação judicial

Na sexta-feira, dia 23, a Saraiva entrou com um pedido de recuperação judicial junto à 2ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais de São Paulo. O objetivo da maior rede de livrarias do país é conseguir a anuência do órgão para que a empresa possa executar um plano de ação para pagar a dívida de aproximadamente R$ 675 milhões junto aos seus fornecedores. A Saraiva ressalta que, caso o pedido de recuperação seja acatado, as operações de varejo permanecem inalteradas.

No mês passado, a Saraiva fechou 20 unidades, alegando desafios operacionais e a crise econômica do país. A empresa também reformulou seu modelo de negócios, abandonando operações em setores menos rentáveis, como por exemplo, eletroeletrônicos.

A rede de livrarias já havia feito um pedido de um pedido de recuperação extrajudicial, porém o pedido foi negado pelo Sindicato Nacional dos Editores de Livros (Snel).

Dúvidas Jurídicas sobre a sua Startup? Conheça nosso PLANO STARTUP com assessoria jurídica especializada em Startups e Empresas de Tecnologia, contando com advogados especialistas em Startups. Não deixe de acompanhar nossos vídeos no CANAL SL, nossa página no FACEBOOK e assinar nossa NEWSLETTER.

Fonte: Canal Tech. Foto: Divulgação.