Home » Blog » Tesla reconhece o segundo acidente mortal nos Estados Unidos com veículo em piloto automático

Tesla reconhece o segundo acidente mortal nos Estados Unidos com veículo em piloto automático

O acidente aconteceu após advertências do sistema para que o condutor colocasse as mãos no volante

Tesla reconhece o segundo acidente mortal nos Estados Unidos com veículo em piloto automático Tesla reconhece o segundo acidente mortal nos Estados Unidos com veículo em piloto automático

A Tesla admitiu que um veículo Model X bateu contra uma barreira de concreto, na  Rodovia 101 de Mountain View, na Califórnia. O acidente ocorreu na última semana e o carro estava com o piloto automático ativado. A colisão provocou a morte do motorista. Este é o segundo acidente mortal envolvendo um Tesla que circulava com o modo autônomo nos Estados Unidos.

A notícia foi divulgada dias após um veículo da Uber sem condutor ter atropelado uma mulher, levando-a a óbito também. Os acidentes inflamam ainda mais o debate sobre a segurança dos sistemas de condução automática.

De acordo com nota publicada na sexta-feira, dia 30, o motorista não agiu no momento do acidente apesar de receber do carro diversos avisos indicando que deveria assumir o volante. “O condutor contava com cerca de cinco segundos e 150 metros de visibilidade antes de bater, mas os registros do veículo mostram que não tomou nenhuma medida”, diz a Tesla.

O não explica o motivo do sistema de condução automática não pôde detectar a barreira de concreto onde o carro bateu. Segundo os relatórios das autoridades de trânsito, o veículo colidiu contra a barreira por causas desconhecidas. Logo em seguida, outros dois  carros bateram no Model X, que pegou fogo. O condutor, de 38 anos, morreu poucas horas depois, no hospital, em decorrência dos ferimentos.

Dúvidas Jurídicas sobre a sua Startup? Conheça nosso PLANO STARTUP com assessoria jurídica especializada em Startups e Empresas de Tecnologia, contando com advogados especialistas em Startups. Não deixe de acompanhar nossos vídeos no CANAL SL, nossa página no FACEBOOK e assinar nossa NEWSLETTER.

Fonte: El País. Foto: Reuters.